Governo da Bahia

Governo da Bahia

Notícias de Última Hora

Pai mata homem que estuprou sua filha de 12 anos e é condenado a 18 anos de prisão

Wanderley Rofeson Loureiro foi condenado, nesta quinta-feira (10), a pena de 18 anos de prisão, em regime fechado, por matar o estuprador da filha, na época a menina tinha 12 anos. A decisão foi do Tribunal do Júri de Campo Grande, Mato Grosso do Sul.
De acordo com o site Conexão Política, os jurados não acolheram a tese da defesa que o réu agiu por violenta emoção.
Segundo a sentença do juiz Carlos Alberto Garcete, o réu foi condenado pelo crime de homicídio qualificado por motivo torpe.
A decisão cabe recurso, e Wanderley deverá utilizar tornozeleira eletrônica até o cumprimento da pena.
Ainda de acordo com o site Conexão Política, Wanderley informou ao júri que no dia do crime foi fazer feira com a esposa e quando voltou para residência encontrou a filha abrindo o portão para o acusado do estupro, Roni Teodoro do Nascimento. 
A menina estava com semblante de choro, ao ser questionada pelos pais o que havia acontecido, ela falou que tinha sido estuprada pelo rapaz.
Após a confirmação do estupro por Roni, Wanderley entrou em luta corporal com o rapaz, o levou em uma caminhonete para um lugar isolado. 
E no local, Wanderley desferiu pedradas contra a vítima. O corpo de Roni foi encontrado em uma estrada, alguns dias depois em avançado estado de decomposição.